O preço e a consequência da estética!!!

Sarah Burg, também conhecida como Barbie, que ja passou dos 49 anos de idade, já gastou em tratamentos anti-envelhecimento quase meio milhão de libras, ou seja, mais de Dois milhões e setecentos mil reais. Apesar, ou com tudo isso ela agora passou a administrar injeções de Botox para sua filha, de 16 anos de idade Khan Burg.
A primeira injeção de Botox ela fez na filha quando tinha 15 anos. Khan quer ficar jovem por tanto tempo quanto possível, e está confiante de que o Botox não permitirá que sua filha envelheça prematuramente. Ela afirma passou muito tempo em diferentes fóruns onde as mulheres discutem os resultados após a injeção de Botox, os preços e as suas impressões, e esta plenamente consciente de que as consequências e as contraindicações são positivas. Mãe e filha se veem quase como irmãs.
Bem, eu acho isto uma temeridade, as pessoas estão muito dependentes da aparência e muita gente se aproveita disso e o que leva uma mãe a condicionar a filha tão cedo a esta ditadura. Mais alguns anos e a filha já estará fazendo cirurgias “corretivas”. As adeptas destes procedimentos acabam esquecendo que a verdadeira idade acaba aparecendo nas mãos.

11880451_10207497115335487_511209064569360915_n 11880615_10207497112695421_5237849974796894894_n 11891266_10207497114415464_3505791664467664304_n 11907127_10207497113375438_2274475687126560031_n

Anúncios

“Louis Vuiton”

Nestes tempos difíceis o negócio é abusar da criatividade, tem de ser ousado, não se intimidar e fazer de tudo para chegar perto da perfeição. Não dá para negar, muito parecida com a original, só um especialista com uma visão muito apurada poderia dizer que não se trata da legitima.

 

11903789_10207439716220545_6468022412948919842_n

Qual o verdadeiro conceito da beleza?

Pode até parecer que a beleza é algo unanime, que apenas com um simples olhar pode separar o belo do feio. Mas a verdade é outra, a beleza é ago muito relativo, que ultrapassa a questão da cultura e do coletivo e por vezes é algo muito pessoal, onde algumas pessoas fazem o que para muitos é um absurdo.

Bem, a beleza para mim é e sempre foi subjetiva, tanto para o conceito de coisas, animais, lugar e até de ideias, que apesar de recebermos influencias de nossa cultura, família e principalmente da mídia na maioria das vezes temos os nossos conceitos intrínsecos que não mudam, e graças a isso temos o poder de escolha não apenas pelo acaso ou pelo que sobra e sim por uma escolha interna.

Na verdade estava pensando no conceito de beleza para homens e mulheres. Para os animais (nós também) a atração de se dá por várias formas, para alguns animais é pelo tamanho, outros pelo poder de fazer barulho e para alguns existem o conceito da beleza, das cores, aquele que chama mais atenção.

Para nós ainda insistimos e persistimos pela beleza da moda, retratada e divulgada pela mídia, onde somos bombardeados diariamente por mulheres com medidas perfeitas, outras nem tanto, desde que algumas das partes sejam avantajadas e sobressaiam, ou pela bunda, pernas, seios ou conjunto proporcional. Algumas exageram e se perdem no caminho, mas, tem ainda quem goste. No caso dos homens, tem de ter músculos, sarado, abdome em “gomos”. Conceitos.

Alguns pesquisadores chegaram a conclusão que a beleza se traduz por números, tanto do rosto quanto do corpo, um conjunto de medidas dentro de uma formula matemática e pronto a mágica esta feita. Você é bonito ou feio e pronto.

Por que estou falando sobre isto? Bem, estava hoje pensando sobre o que dizia uma colunista social que conheci há tempos, onde ela dizia que na sua coluna só colocava fotos de pessoas “bonitas” porque ninguém gosta de ver pessoas feias no jornal, principalmente em coluna social. E acho que de certa forma ela tinha razão, ninguém quer ser feio, ninguém quer de sã consciência ver o feio, nós queremos ver a beleza, mesmo que seja aquela imposta pela mídia. Insistimos em seguir os padrões, até mesmo aqueles que dizem que nem ligam para isto.

image001