O racismo e a discriminação

Não vou aqui fazer qualquer tipo de apologia e discriminação, inclusive porque existe uma lei em nosso País que tem por objeto punir os crimes de racismo e outros que venham a cometer a discriminação, mesmo que velada.

Entretanto sabemos a lei por si só é discriminatória, ou quem deveria fazer cumpri-la utiliza a mesma de forma totalmente interpretativa.

Quando pensamos em discriminação vem já em mente a discriminação pela cor, principalmente contra os negros, e também logo em seguida quanto à preferência sexual.

Um episódio ocorrido dias atrás podemos observar onde as câmeras puderam pegar uma torcedora, jovem, aquelas que pode até ter uma boa índole, mas contagiada pela multidão e pelas “boas” amizades resolveu gritar palavras de ordem discriminatória contra o goleiro negro do time adversário, como se no seu time todos fossem caucasianos.

Junto dela e outros próximos onde às câmeras não flagraram ou não foi possível distinguir os elementos, uma multidão gritava de forma igual; Bem, a jovem Patrícia foi intimada e presa pelo crime de racismo, o qual negou é claro, e foi solta sob fiança e irá responder ao processo.

Não estou aqui defendendo a jovem, muito pelo contrário, que se cumpra a lei, entretanto em decorrência disto, muitos ali no estádio que também entoaram os mesmos gritos nenhuma punição sofreram e irão novamente fazer as mesmas “brincadeiras” com outros negros. Em compensação a jovem pela exposição na mídia acabou sendo o bode expiatório para tudo que ai campeia e tornou o exemplo, onde outros cidadãos acreditando que estão acima da lei, acabaram julgando-a e se acharam no direito e queimar sua casa.

Como disse não estou fazendo sua defesa, mas quem nunca errou, quem por um momento não discriminou alguém, não ocupou a vaga de um idoso, deixou de ceder o seu lugar no ônibus, não furou uma fila, não jogou lixo no chão, não dirigiu acima da velocidade permitida, não se deixou influenciar. Somos excelentes em julgar e punir, mas acreditamos que o mais importante nisto tudo não se trata de errar, mas sim de não deixar ninguém descobrir.

 racismo33

 

Anúncios